Regulamento CambraFest 2012

Artigo Primeiro (Destinatários)

Abrange todas as bandas ou músicos portugueses ou estrangeiros sem  edições comerciais nem contrato com editoras, não inibindo a participação de quem tenha edições de autor ou temas incluídos em compilações. Os projetos não podem incluir: músicos convidados, músicos com discos gravados (edições comerciais) ou músicos pertencentes a outros projectos participantes no Festival.

Artigo Segundo (Inscrições)

A inscrição é feita com a entrega de uma maqueta com  pelo menos 3 temas originais (o envio das musicas em vídeo serão valorizadas) que serão os mesmos a apresentar ao vivo. Se os temas forem cantados, as letras podem ser em qualquer idioma.

As maquetas para inscrição poderão ser entregues ou enviadas por correio registado com nome, morada e telefone do remetente para: Associação Académica de Cambra (AAC) Praça da República – Macieira de Cambra Apartado 41 – 3730 Vale de Cambra

Em alternativa, preencher o formulário presente na página

http://www.aac.pt/inscricoes-cambrafest.

Após o preenchimento e uma vez submetido com sucesso deverão proceder ao upload das músicas ou vídeos a apresentar a concurso juntamente com os restantes dados (fotografia atualizada, biografia da formação, histórico da banda, letras dos temas,  rider técnico da banda, cópia do regulamento devidamente assinada pelo responsável do projeto) estes dados deverão constar todos num ficheiro .pdf.

Uma vez submetido, a banda deverá aguardar um  e-mail por parte da organização a confirmar a receção da inscrição. Em caso de duvida, devem entrar em contacto através do e-mail cambrafest@aac.pt.

Devem fazer acompanhar a maqueta com os seguintes elementos:

  • Nome do projeto concorrente;
  •  Nome e idade dos elementos da banda;
  • E-mail e/ou sítio de Internet caso o possuam;
  • Fotografia atualizada e biografia da formação;
  • Histórico da Banda;
  • Letras dos temas;
  • Rider técnico da banda;
  • Cópia do regulamento devidamente assinada pelo responsável do projeto. Regulamento CambraFest 2012

O prazo limite de inscrição é 2 de Setembro de 2012 (data de carimbo CTT ou do carimbo temporal do servidor SMTP).

Os projetos concorrentes autorizam, pelo ato de inscrição, a inclusão dos emails apresentados na lista de divulgação do Festival.

Artigo Terceiro (Seleção)

Serão selecionadas 12 bandas de todas as maquetas recebidas mais 3 suplentes, não sendo decisivo para análise do júri a qualidade das gravações.

Artigo Quarto (Datas e Locais a Realizar)

A lista dos projetos selecionados será divulgada online em http://www.aac.pt ou  http://www.valedepandora.com a partir do dia  23 de Setembro de 2012, contactando também telefonicamente os responsáveis no dia seguinte a divulgação e por e-mail para o contacto eletrónico disponibilizado.

As bandas e/ou músicos serão distribuídos de forma homogénea pelas eliminatórias existentes. Caso alguma banda, por algum motivo desista, cabe a organização optar pela seleção de outro projeto concorrente.

As 4 eliminatórias realizar-se-ão nos dias  29 de Setembro, 6, 13 e 20 de Outubro 2012, estando a final marcada para o dia 27 de Outubro de 2012.

Os locais das eliminatórias e da final serão divulgados antecipadamente nos sites acima referidos.

Artigo Quinto (Atuação)

As bandas a concurso terão 10 minutos para a montagem dos instrumentos em palco entre acuações e 30 minutos de atuação no máximo, onde terão de apresentar quatro temas originais e uma cover. Estes tempos terão de ser cumpridos criteriosamente.

Artigo Sexto (Apoio Técnico)

A organização dispõe de uma bateria para todas as bandas, material de som e técnico de som. A banda ou musico será obrigada a trazer apenas pratos e tarola para a bateria, os seus instrumentos e cabeçote ou combos para guitarra e/ou baixo. Terão obrigatoriamente de utilizar colunas disponibilizadas.

Artigo Sétimo (Sound-check)

Em cada eliminatória os projetos deverão apresentar-se na tarde da  despectiva sessão nos horários estabelecidos  pela organização definidos aquando da aprovação da banda a concurso.

Os horários do sound-check são 30min para cada projeto e deverão ser rigorosamente cumpridos. À organização reserva-se o direito de alterar o alinhamento das bandas sempre que haja motivos de ordem técnica, ou outros, que justifiquem.

Artigo Oitavo (Júri e Pontuação)

Nas eliminatórias o júri é constituído por 6 pessoas. Na final o júri é constituído por 10 pessoas.

Os critérios de avaliação são:

  • Originalidade;
  • Criatividade;
  • Presença em palco;
  •  Interatividade com o público;
  • Execução técnica e musical;
  • Composição (letra e música);
  • Assiduidade dos horários estabelecidos.

Os temas serão analisados individualmente e votados numa escala de 0 a 10 valores. Feitas as contas, serão atribuídos os respetivos lugares (primeiro, segundo, terceiro e quarto). Vence a banda com maior número de primeiros lugares.

Em caso de empate eis os critérios de decisão:

  • Apura-se a banda com maior número de segundos lugares;
  • Apura-se a banda com maior número de pontos;
  • Apura-se a banda deliberada por consenso em reunião de júri.

Em caso de desistência da banda vencedora, classificar-se-á a banda que ficar em segundo lugar e assim sucessivamente.

Artigo Nono (Termos de Responsabilidade)

Qualquer dano causado no material fornecido pela organização ou de outra banda concorrente é da responsabilidade do autor.

Artigo Decimo (Despesas)

Todas as despesas inerentes à deslocação, alojamento e alimentação das bandas serão da sua inteira responsabilidade. A organização fará todos os esforços para encontrar soluções que possam minimizar esses encargos.

Artigo Decimo Primeiro (Acessos aos locais de atuação)

Apenas tem livre acesso ao local de atuação os elementos das bandas não havendo  guest-list nas eliminatórias. Na final cada elemento das bandas apuradas terá direito a um convidado por elemento da banda.

Artigo Décimo Segundo (Prémios)

As bandas vencedoras das eliminatórias ganham o acesso à final.

Os prémios serão divulgados com a maior brevidade possível.

Artigo Decimo Terceiro (Cedência de Direitos)

Todas as maquetas e outros elementos recebidos constituirão propriedade do espólio do Festival, não havendo lugar a restituição.

Os projetos concorrentes autorizam tacitamente, pelo ato de inscrição, a gravação áudio e vídeo dos espetáculos, bem como o uso da imagem e música para fins estritamente promocionais.

Artigo Decimo Quarto (Casos Omissos)

Todos os casos que não estejam previstos no presente regulamento serão alvo de avaliação por parte da organização. A decisão tomada, tomara carácter definitivo e executório e será prevista no regulamento do ano subsequente.

Nota:

Este regulamento deverá ser rubricado no canto superior direito em todas as páginas, e assinado pelo responsável da banda com o nome completo abaixo.

Fonte: Associação Académica de Cambra

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

About Antonio Alves

Consultor SEO em Portugal Serviço de Publicidade no google e facebook
Tagged . Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *